Um desafio de rotina | Do trabalho pra casa
Do trabalho pra casa

Um desafio de rotina

Oi. Tudo bem?

Você talvez não me conheça, então vou falar rapidinho sobre mim. Meu nome é Mariana, tenho 29 anos (socorro, os 30 tão logo ali!), moro em São Paulo e trabalho na empresa mais amada do momento. Não, não é exagero. Somos mesmo muito queridos! 💜

Sou apaixonada e mexo com blogs/redes sociais há mais de 15 anos. Nunca trabalhei profissionalmente com isso, mas já ensinei algumas pessoas que, mais tarde, davam palestra sobre o assunto. Já incentivei uma agência de Santos, onde morei por 12 anos, a ter redes sociais e uma Universidade também. Mas tem aquele velho ditado: santo de casa não faz milagre. E nunca levei a sério os meus conhecimentos. Não o suficiente para trabalhar com isso.

Em 2010, criei o MarianaPereira.com, incentivada por uma amiga. Foi muito legal, uma experiência incrível. Só que a vida foi mudando, novos compromissos foram surgindo. E eu perdi aquele amor por escrever naquele espaço. A proposta dele não se encaixava na Mariana de hoje. Ou a Mariana de hoje, depois de tantas coisas, já não se encaixa mais nele. Então optei por buscar uma outra opção, uma forma da Mariana adulta se expressar num espaço só dela. E vocês acham que é fácil? Negativo!

Eu tenho uma tendência absurda a desistir das coisas (já me disseram que é por falta de 5 e 6 na minha data de nascimento, algo relacionado a "colocar os projetos pra andar"). Dizer que eu pensei em desistir desse blog, é piada. Eu cheguei a olhar pra ele e me questionar o que eu estava fazendo. E aí pensei: po, mas é o que eu gosto de fazer. É escrever, me comunicar com as pessoas. Por que eu deveria desistir? Fechei tudo e fui dormir. O dia seguinte me daria uma resposta.

um-desafio-de-rotinaTenho percebido que, comigo por exemplo, a melhor coisa é dar aquela refrescada na cabeça, pra depois voltar e continuar. Mas continuo me boicotando, tentando entender qual a finalidade desse blog. Por que alguém leria? Por que alguém se interessaria? E a resposta é simples: talvez pelo mesmo motivo que eu acompanharia um blog com os mesmos motivos.

Eu não quero catequizar ninguém e nem virar uma wannabe blogueira famosa. Até porque, como a biografia ali do lado diz, sou das antigas. Não sei fazer muitas coisas que elas aprenderam e desenvolvem hoje em dia (oi, vídeos maravilhosos!). Mas a internet é tão grande e tem tanto espaço, que é absurdo você não fazer algo porque não será igual a Niina Secrets, por exemplo. Aliás, vocês viram as fotos do casamento dela? To apaixonada! E aquele batom que ela vai lançar com a M·A·C? Me segurem!

Então optei por me reinventar, trazer de volta um pouco dos blogs de 15 anos atrás, quando eu comecei. Não sei se teremos selinhos cheios de glitter (quem lembra?), mas teremos um pouco o dia a dia de uma pessoa normal, um cachorro malandro e uma vida como a sua. Talvez com horários diferentes, trabalhos diferentes, mas uma vida, acima de tudo, real.

Vem comigo! Tem muita coisa legal pela frente.

💖

Siga meu blog no Bloglovin

3 atitudes que me impediram de desistir
Resgate: um texto de dentro do avião